Detento de Campina Grande com 686 pontos no Enem sonha com medicina

Publicado por em 19 de janeiro de 2016

Um detento da Penitenciária Padrão de Campina Grande, que fica dentro do Complexo Prisional do Serrotão, ficou em primeiro lugar entre os presos da Paraíba inscritos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), segundo a Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds). André Soares fez 880 pontos na redação e 686,6 na média geral.

O preso aguarda julgamento na penitenciária pela acusação de envolvimento em fraudes no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), onde trabalhava. Ele, que já cursou física e passou para os cursos de engenharia elétrica e direito, tem o sonho de cursar medicina.

“Pretendo, se sair daqui, é fazer medicina. Eu acho que com essa pontuação até metade do ano eu consiga ser chamado”, acredita o detento. Mais de 500 apenados de 42 penitenciárias se inscreveram no Enem 2015.

Apesar do desejo, não depende apenas da vontade de André poder realizar esse sonho. Ele precisa de uma autorização judicial para sair da penitenciária e frequentar o curso. Segundo a direção da unidade prisional, com a nota do último Enem um detento conseguiu progressão de pena para cursar direito em uma faculdade do Sertão paraibano.

“Um dos critérios mais importantes para poder conseguir a autorização é que ele tenha um bom comportamento por conta exatamente do trato com os profissionais da educação que ele vai ter durante o curso”, explicou o diretor-adjunto da penitenciária, Tiago de Oliveira.

Fonte: G1



Deixe seu comentário


Publicidade