Inicio Destaques Deputado revela diferencial para ser o sucessor de Romero Rodrigues

Deputado revela diferencial para ser o sucessor de Romero Rodrigues

78
0
SHARE

O deputado estadual Tovar Correia Lima (PSDB), que já relatou o desejo de candidatar-se a prefeito de Campina Grande em 2020, afirmou que não será candidato de si próprio e que só o fará se tiver o prefeito Romero Rodrigues (PSDB) do seu lado direito e o ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB) do seu lado esquerdo.

Segundo ele, não adianta ser candidato sozinho, sem o apoio dos pares, e que quem pretende disputar a prefeitura deve se preparar e ouvir a população.

Tovar frisou que tem conversado com algumas lideranças e que cada pré-candidato deve se viabilizar, destacando que tem um diferencial em relação aos demais.

– O candidato precisa se viabilizar neste momento. Está todo mundo com as mãos soltas tentando se viabilizar. Vou conversar com os secretários hoje, inclusive com Bruno Cunha Lima. Tenho conversado muito com o ex-secretário André Agra, com o deputado Manoel Ludgério. O meu diferencial, em relação ao prefeito Romero, é a boa relação que nós temos. Fui secretários por duas vezes de Romero e essa relação que tenho com ele, impendentemente da indicação para o candidato a prefeito, vai perdurar. Veja que agora, na campanha do ano passado, tivemos um momento delicado, onde tivemos dois meses de disputa e o irmão do prefeito, Moacir Rodrigues, era candidato. E nós não tivemos uma única discussão – explanou.

Indagado se o ex-deputado Bruno Cunha Lima (sem partido) saiu na frente na disputa, já que assumiu recentemente a chefia de gabinete da Prefeitura, Tovar afirmou que é a cidade quem vai dizer e escolher.

Também refutou que os critérios para a escolha do candidato do grupo será o tempo e o fato de ter aberto mão disso em outras eleições, como destacou o deputado Manoel Ludgério (PSD) em entrevista recente.

– Não é uma discussão só com as lideranças. Eu não me sentiria confortável se Cássio, ou Romero, ou integrantes do PP, que é importante estarem na discussão, e me dissessem: “olha, o candidato é você” e depois eu chegasse às ruas e as pessoas não me entendessem como candidato. A discussão é muito importante, pois as pessoas devem escolher quem será o prefeito. Quero que venha uma indicação de baixo para cima e não de cima para baixo. As pessoas esperam um perfil como o de Romero, pé no chão, trabalhador, que entra na casa das pessoas, que conversa e que escuta – pontuou.

Fonte: Paraíba Online

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here