Inicio Campina Grande UEPB suspende atividades no campus de Bodocongó durante esta segunda-feira

UEPB suspende atividades no campus de Bodocongó durante esta segunda-feira

107
0
SHARE

Devido ação criminosa de bandidos que assaltaram um carro-forte que fazia abastecimento dos caixas eletrônicos de agência bancária do Santander, instalada na Central de Integração Acadêmica, no campus de Bodocongó, em Campina Grande, a Administração Central da Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) suspendeu todas as atividades acadêmicas e administrativas previstas no campus de Bodocongó durante todo o dia desta segunda-feira, 1º de abril.

As atividades do Centro de Ciências Jurídicas (CCJ), que funciona fora do campus de Bodocongó, estão mantidas.

Desta forma, as aulas e demais atividades acadêmicas dos cursos que compõem o Centro de Educação (CEDUC), o Centro de Ciências Sociais Aplicadas (CCSA), o Centro de Ciências e Tecnologia (CCT) e o Centro de Ciências Biológicas e da Saúde (CCBS) retornam ao normal nesta terça-feira (2), assim como as atividades dos setores administrativos.

A decisão levou em consideração o estado emocional da comunidade universitária, bem como a necessidade de conclusão do trabalho pericial da Central de Integração Acadêmica.

A ação criminosa ocorreu no início da manhã e, devido ao tumulto ocasionado, na correria, alguns estudantes se machucaram, porém sem gravidade.

Uma das balas disparadas atingiu uma aluna de raspão. Ela foi atendida de imediato pela equipe de Saúde da UEPB e, em seguida, levada para o Hospital de Urgência e Emergência Dom Luiz Gonzaga Fernandes.

Equipes de Psicologia, de Enfermagem e de outros setores da Instituição prestaram assistência às pessoas que se encontravam bastante assustadas e agilizaram o contato delas com familiares para informar que estavam em segurança.

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e do Corpo de Bombeiros chegaram rapidamente ao local para atendimento dos feridos.

A maioria dos ferimentos era por torções causadas pela tentativa de fugir correndo ou pulando de alguns pontos mais altos para sair do local.

A Polícia Militar também chegou rapidamente ao campus de Bodocongó e seguiu em perseguição aos bandidos, que fugiram em dois carros. Na Central de Integração Acadêmica, a Polícia Civil trabalhou na perícia do espaço.

Fonte: Ascom

Foto: Reprodução/WhatsApp

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here