Inicio Destaques Presidente do PSL para deputado: “Vá cantar de galo em outro terreiro”

Presidente do PSL para deputado: “Vá cantar de galo em outro terreiro”

88
0
SHARE

Parlamentares do Partido Social Liberal (PSL) na Paraíba estão se estranhando quanto aos rumos da legenda no Estado.

O fato é que o presidente do PSL na Paraíba, deputado federal Julian Lemos, refutou a informação de que o Diretório teria filiado 100 novos membros, através do deputado estadual Moacir Rodrigues (PSL), após uma reunião com representantes da direita em João Pessoa.

Em entrevista nesta terça-feira, 9, Lemos mandou um recado para Moacir afirmando que o deputado “está com muita sede ao pote, quer botar banca e já sentar na janela”.

– Primeiro quero dizer que Moacir não tem condição de puxar o tapete de ninguém. O que acontece é que o deputado está com muita sede ao pote. Ele chegou agora e já quer sentar na janela. Ele se juntou com pessoas que não são do PSL. O Moacir não liga, não faz nada e aí se junta com meia dúzia de pessoas para tumultuar – reprovou.

O presidente do partido frisou que vai entrar com uma ação contra Moacir junto à Comissão de Ética da legenda, pois, segundo ele, o deputado está “desconectado com a realidade e sequer conhece o regimento”.

– Ele, sequer, conhece o regimento do partido e sai falando aquelas abobrinhas. Se ele achar ruim, já está liberado para ir para qualquer partido. Quem está sendo antidemocrático é ele, que fez uma reunião às escuras, não permitiu que integrantes do PSL participassem e ficou só naquela panelinha, e depois saiu dizendo que filiou 100 pessoas. É mentira, eu estou dizendo que é mentira – criticou.

Julian ainda destacou que não acredita que o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), irmão de Moacir, esteja por trás dessa ação, e que o deputado estadual não tem “lastro para querer conspirar” contra ele.

– Não tem nenhum tipo de conspiração em Brasília porque ele [Moacir] não tem lastro para isso. Ele não tem lastro para querer conspirar contra mim, porque nem espaço ele tem e nem moral política para isso. Conspiração? Ele pode ter vontade, mas força ele não tem. Esse tipo de postura é desagregadora. É o famoso ‘confuseiro’, gosta de moído, mas eu não sou uma pessoa de conversa longa. O PSL é um partido tranquilo, mas de repente começa a insurgência de alguém que nunca fez nada para o partido estar onde está. Liderança de que Moacir é? Se não fosse o irmão dele, nem eleito ele estava. Se ele quiser cantar de galo, que vá cantar em outro terreiro – reforçou.

Sobre as eleições para a presidência da legenda na Paraíba, Julian frisou que acontecerá no tempo oportuno, como qualquer partido.

*Informações da Correio FM

Fonte / Foto: Paraibaonline

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here